Fórum Contencioso de Massa | Gestão Estratégica x Desafios

31 de outubro de 2014 9h às 18h

Hotel Grand Mercure Ibirapuera Rua Sena Madureira 1355, Ibirapuera - São Paulo – SP

O Evento

O único evento com foco em redução de custos, limite de volume de Contencioso e maximização de resultados financeiros do Jurídico e da Organização. Discutido os maiores desafios jurídicos enfrentados por grandes empresas no que diz respeito ao alto volume de contencioso, além de conhecer estratégias preventivas e de redução de demandas que têm sido um sucesso para algumas organizações. Tratou – se também a Visão do Judiciário e os impactos sobre o Contencioso de Massa da sua empresa.

Programação

Credenciamento e Welcome Coffee

08h30

Objetivo

A gestão do contencioso de massa de forma estratégica é hoje o maior desafio dos departamentos jurídicos.  É uma ilusão acreditar que é lucrativo ter uma carteira volumosa de processos sem gerenciar eficientemente tais processos objetivando a satisfação do consumidor, fortalecimento da marca perante o cliente e ao poder judiciário e, por fim, obtendo resultados financeiros sustentáveis.

Como tratar, administrar, fortalecer a marca da organização e ainda ter lucro na condução de processos de massa? Com o intuito de responder estas e outras perguntas, a Conceito Seminários reuniu os mais renomados profissionais do mercado para trazer práticas que têm dado resultados positivos na condução desses processos.

Público Alvo

Público Primário: Superintendentes, Diretores, Gerentes, Coordenadores e todos os Especialistas da Área Jurídica, Contencioso e Direito do Consumidor envolvidos com grandes volumes de contencioso.

Público Secundário: Profissionais de escritórios terceirizados que atuam diretamente na área de Contencioso de Massa.

Programação

08h30

Credenciamento e Welcome Coffee

08h50

Abertura do Seminário pela Presidente de Mesa

Marília Lins Oliveira
Advogada do Marcelo Tostes Advogados

09h00

MESA REDONDA – O SISTEMA SCORE – Natureza Jurídica e Conceitual: Aspectos Positivos e Negativos.

Importante Ferramenta de Suporte à Análise e Concessão de Crédito ou Violação de Direitos à Privacidade do Consumidor? 

Cada vez mais as empresas têm utilizado o SCORE como forma de avaliar a inadimplência do consumidor, que é medido por uma escala de pontos e que, não necessariamente ter o “nome limpo” é garantia de concessão de crédito. Em contrapartida, muitos consumidores têm entrado com ação judicial, pois não sabem da existência do sistema e dos critérios adotados para avaliação, muitas vezes passando pelo constrangimento da não concessão de crédito.

  • Saiba mais sobre o SCORE e a quem ele se destina
  • Aspectos Jurídicos e Legais do SCORE
  • Dados pessoais x Dados cadastrais: Violação de Privacidade?
  • Como atuar de forma preventiva utilizando o SCORE como seu aliado e não como um meio de aumento do contencioso de massa da sua empresa?
  • A visão do mercado de concessão de crédito sobre o uso do SCORE
  • Discuta sobre formas de reduzir prejuízos financeiros para a organização e ainda preservar a imagem da empresa perante o seu consumidor

Dirceu Gardel
Diretor Jurídico da Boa Vista Serviços

Antônio Carlos Pajoli
Diretor Jurídico da Cetelem

Adriana Pereira
Diretora de Programas Especiais da Fundação Procon

10h00

Coffee Break e Networking 

10h20

Política de Acordos Extrajudiciais: Reduza Custos no Contencioso, Utilize Técnicas para Antecipação dos Julgamentos das Ações fora do Judiciário, Obtenha Maior Agilidade dos Processos Mediante a Estruturação dos Acordos

Como forma de reduzir custos e ganhar mais agilidade nos processos, o contencioso necessita implementar uma política de acordos eficiente. Porém, é imprescindível que os planos de recuperação de créditos estejam alinhados ao Código de Defesa do Consumidor, a fim de evitar aumento de custos pelos questionamentos judiciais. Esta palestra trará experiências concretas de como obter êxito nas conciliações, reduzir as demandas e melhorar a performance do departamento jurídico.

  • Entenda os benefícios e desafios da implementação da política de acordos
  • Mediação, conciliação e celeridade processual como forma de diminuir a intensidade de processos no judiciário e atender as estratégias da organização
  • Entenda como os meios não litigiosos podem melhorar o relacionamento com o consumidor, reduzir custos para a empresa e prevenir novas demandas
  • Defina a melhor política de acordo para grandes volumes de contencioso
  • Discuta sobre formas de gerir essa conciliação internamente e saiba como a atuação em conjunto com órgãos julgadores e agências reguladoras podem contribuir para a redução do prazo dos processos

Flávio Citro Vieira de Mello
Juiz de Direito Titular no II Juizado Especial Cível – Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro

Ana Carolina Medina
Gerente Jurídico Contencioso da Gafisa

11h50

Aperfeiçoamento do Controle dos Processos, Melhoria de Assertividade do Provisionamento e Contingenciamento do Contencioso de Massa, Otimização do Fluxo de Trabalho e de Informação através das Ferramentas Tecnológicas

  • Otimize a gestão do portfólio – passivo ou ativo – de contencioso processual de massa usando modelo de simulação computacional probabilística podendo considerar, inclusive, restrições orçamentárias e operacionais
  • Saiba como incorporar na análise do portfólio comportamentos adaptativos (e.g., jurisprudência), incerteza na aceitação de acordos, incerteza na data de ocorrência dos eventos jurídicos, incerteza no valor de condenação, custas processuais e depósitos recursais, honorários contratuais e de sucumbência, apuração do valor presente dos fluxos de pagamento e simulando inúmeras variáveis do problema
  • Entenda como as informações obtidas com a aplicação do modelo ótimo de gestão do portfólio contencioso podem gerar redução do valor da carteira passiva e aumento do valor da carteira ativa

José Reinaldo Nogueira de Oliveira Jr.
Sócio de Nogueira, Elias, Laskowski e Matias Advogados

André Cury Maialy
Sócio da Corporate Office

 

12h30 

Almoço e Networking 

14h00

Departamento Jurídico x Escritório Terceirizado: Construção de relação de parceria para maximização dos resultados financeiros 

A terceirização dos serviços jurídicos da organização é sempre tema de grande discussão, ainda mais quando falamos da gestão do contencioso. Integrar esses escritórios parceiros na cultura organizacional para que trabalhem alinhados à realidade e necessidade da empresa é um fator primordial. Nesta apresentação, discuta os desafios mais críticos dessa relação e esclareça como garantir resultados financeiros para ambos. 

  • Como ser grande com orçamento pequeno? Encontre soluções para alinhar custos e qualidade na prestação de serviços
  • Saiba como traçar e implantar parâmetros quantitativos e qualitativos de avaliação dos serviços prestados pelos escritórios terceirizados
  • Conheça as diferentes formas de remuneração e opte pela mais adequada às realidades da sua organização
  • Evite passivos com a terceirização do contencioso
  • Avalie a performance dos terceiros através do uso dos Indicadores de Desempenho
  • Discuta formas de motivação e bonificação dos escritórios terceirizados

Washington Luis Bezerra da Silva
Diretor Jurídico da METLIFE

Gustavo Gonçalves Gomes
Sócio do Siqueira Castro Advogados

15h00

Desafios do Jurídico diante do novo perfil do consumidor nas redes sociais 

  • Discuta sobre a postura do jurídico frente a um momento de crise e saiba como evitar perdas, não somente financeiras, mas de riscos na imagem da organização
  • Identifique quais as ações que mais massificam o contencioso da empresa e arranham a imagem perante o consumidor. Saiba como criar estratégias para evitá-las e para mudar a visão do mercado consumidor
  • Discuta sobre os desafios em gerenciar os dados à imagem decorrente do excesso de processos judiciais
  • Consumidor atuante nas redes sociais: Como o monitoramento mais profundo do contencioso pode resultar em ações preventivas e reversão de possíveis riscos à imagem da organização
  • Sanções administrativas: Como evitar as multas geradas de reclamações via Órgãos de Defesa do Consumidor?

Alexandre Guarita
Diretor Jurídico e Compliance América Latina na Samsung

Marcelo Tostes de Castro Maia
Sócio fundador do Marcelo Tostes Advogados

16h00 

Coffee Break e Networking 

16h30

Departamento Jurídico como parceiro da empresa: Saiba como o jurídico consolidado de forma estratégica reduz custos e alinha o relacionamento com outras áreas de organização

Para uma gestão estratégica do contencioso, o jurídico precisa entender a cultura e o negócio da organização, mantendo um constante diálogo com todas as áreas da empresa. Assim, é possível ter uma visão ampliada do negócio e ajudar a traçar novas ações. Mas como dar conta do próprio trabalho e também da relação com as outras áreas? Participe desta palestra e entenda como esta prática poderá ajudá-lo a identificar a causa raiz, reduzir demandas processuais e futuros prejuízos financeiros para a organização.

  • Implemente fluxos de trabalho que ampliam a troca de informações e conhecimento com as demais áreas da empresa
  • Como a gestão eficiente das pessoas e o envolvimento dos demais departamentos da organização podem resultar em ações preventivas efetivas, evitando retrabalhos do jurídico?
  • Atuação Preventiva: Analise e redesenhe os processos internos diminuindo o passivo com mensuração das falhas e análise da causa raiz
  • Estabeleça critérios de análise dos processos e encontre o caminho para criar ações corretivas que resultem em redução de demandas judiciais
  • Mapeie a origem dos gastos e prejuízos e minimize o passivo focando no problema

Adriana Rigueira Losito
Gerente Jurídica de Relação de Consumo na GVT

17h30

Alterações Legislativas previstas e os impactos no planejamento de ações futuras

Como as alterações legislativas em andamento (Código de Processo Civil e Código de Defesa do Consumidor) poderão impactar na gestão do contencioso de massa?

  • Discuta sobre os possíveis impactos que poderão acontecer no Contencioso de Massa com as alterações legislativas
  • Saiba como reduzir o número de recursos previstos e otimização de tempo de um processo
  • Incidente de Demandas Repetitivas: Qual a relação direta com o contencioso de massa?
  • Alternativas ao Julgamento Unificado para pedidos idênticos

Julio Cesar Caciatori Martins
Gerente Jurídico Contencioso da Cielo

18h00

Encerramento 

Grade sujeita a alterações

Palestrantes

André Cury Maialy - Corporate Office
Adriana Cristina Pereira - Fundação Procon
Adriana Rigueira Losito - GVT
GVT
Alexandre Guarita - Samsung
Ana Carolina Medina - Gafisa
Antonio Carlos Pajoli - Cetelem
Dirceu Gardel - Boa Vista Serviços
Flávio Citro Vieira de Mello - Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro
Gustavo Gonçalves Gomes - Siqueira Castro Advogados
José Reinaldo Nogueira de Oliveira Junior - Nogueira, Elias, Laskowski e Matias Advogados
Júlio César Caciatori Martins - Cielo
Marcelo Tostes de Castro Maia - Marcelo Tostes Advogados
Marília Lins Oliveira - Marcelo Tostes Advogados
Washington Luis Bezerra da Silva - Metropolitan Life Seguros E Previdência Privada S.A.

Investimento

R$ 2490 para inscrições pagas até 30/10

Incluso

Material de Apoio Digital: Palestras copiadas em pen drive
Alimentação: Welcome Coffee, Coffee break manhã/tarde e almoço
Estacionamento do Hotel
Certificado de participação no Seminário

Patrocínio

Conheça as opções de patrocínio e razões para expor a marca da sua empresa nesse evento que reunirá os principais nomes de grandes empresas e escritórios jurídicos do Brasil.

Para patrocinar esse evento ligue para 11 2364-0008 ou envie e-mail: patrocinio@conceitoseminarios.com.br.

Patrocínio

Marcelo Tostes Advogados
NELM
Patrocínio Prata - Kurier

Apoio

AATSP
ADVOGADOS COLABORADORES
CAPITAL ABERTO
CARLA RAHAL
FDJUR
GEJUR
LOGJUR
SELEM

Inscrição